“Vida e sociedade” - Semana Nacional da Vida 2016

E-mail Imprimir PDF

Semana Nacional da Vida 2016Para a Igreja do Brasil, a primeira semana do mês de outubro é momento de celebrar e refletir sobre o valor da vida. Em 2005, durante a 43ª Assembleia Geral da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), foi instituída a Semana Nacional da Vida (SNV), a ser realizada de 1º a 7 de outubro, culminando com o Dia do Nascituro, no dia 8. Neste período, os regionais da CNBB e dioceses de todo país desenvolvem atividades voltadas à defesa e à promoção da vida.

Todos os anos, a SNV propõe um tema de estudo. Este ano, as reflexões ocorrem em torno do tema: “Vida e Sociedade”. As dioceses são convidadas a desenvolver atividades, com foco no direito à vida e à preservação da dignidade humana.

O bispo de Osasco (SP) e presidente da Comissão Episcopal para a Vida e a Família da CNBB, dom João Bosco Barbosa de Sousa, afirma que a vida, dom de Deus, “é muitas vezes desvalorizado, desrespeitado, não é suficientemente bem cuidado como devia ser, como um presente de Deus”.

"A Semana Nacional da Vida tem a finalidade de nos fazer acordar para este grande dom de Deus que é a vida, muitas vezes ameaçada. Também, queremos celebrar o Dia do Nascituro, a vida que vai nascer e precisa ser defendida por todos nós", explicou o bispo de Osasco (SP) e presidente da Comissão Episcopal Pastoral para a Vida e a Família da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), dom João Bosco Barbosa de Sousa, a respeito da Semana Nacional da Vida.

O evento acontece de 1º a 7 de outubro, e culminará com o Dia do Nascituro, 8.

Dia do Nascituro

Celebrado no dia 8 de outubro, o Dia do Nascituro é uma mobilização em todo o país, com intensa programação nas dioceses, paróquias e comunidades, com objetivo de propor à sociedade o debate sobre os cuidados, proteção e a dignidade da vida humana, em todas as suas fases, desde a concepção até seu fim natural.

O nascituro, ser humano concebido, mas ainda não nascido, “merece todo nosso carinho de ser acolhido no nosso mundo com todas as condições de se desenvolver e se tornar uma pessoa humana”, explica dom Bosco, que recorda que a vida, antes de nascer é muitas vezes agredida, não só pelo aborto, “que é um crime, um atentado contra o Deus da vida”, mas ao mesmo tempo também pela ausência dos cuidados que a mãe deve ter e receber durante a gestação. “E assim a gente celebre o dia do nascituro com uma esperança que não haja ninguém que venha ao mundo sem ser devidamente preparado, querido e amado. É o que a gente espera do dia do nascituro”, afirma o bispo.

Hora da Vida

O Subsídio é preparado para aprofundar a temática proposta, com oferta em seu conteúdo de pistas para reflexão, orações e informações relacionadas à vida e à sociedade. Dom João Bosco Barbosa explica que o material é importante para que os grupos de famílias, da Pastoral Familiar e aqueles que refletem a palavra de Deus possam também participar “dessa grande formação a respeito da vida que a Semana nos quer transmitir”.

Os encontros oferecidos no subsídio abordam os temas “A vida humana: dom para a família e a sociedade”; “A ideologia de gênero e a negação da criação como dom de Deus”; “A via política – caminho para promover e defender a vida”; “Os cristãos e o compromisso com a vida” e “Juntos pela vida”. “Esses temas são tratados de forma muito clara e didática, simples de entender, mas, ao mesmo tempo, profundos em seu conteúdo. Por isso, recomendo às nossas comunidades, à Pastoral Familiar que tenham em mão esse livro”, motiva dom Bosco. Também há no livreto uma proposta de Vigília Eucarística em favor da vida e uma Oração do Jovem.

O subsídio está disponível para venda com os casais coordenadores paroquiais, diocesanos e regionais da Pastoral Familiar e pelo loja on line da Pastoral Familiar em www.lojacnpf.org.br. Para mais informações, ligue para (61) 3443 2900 ou por e-mail Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo.

Revista Digital

<div id="opt_1"></div>